Renascença no Harlem

João Carlos Rodrigues lembra Langston Hughes, o mais importante poeta negro norte-americano

Para ser lido ao som de Mule Bone, disco de Taj Mahal com letras de Langston Hughes para uma peça encenada na Broadway em 1991

Arte da capa do disco Mule Bone, de Taj Mahal (Reprodução)

Poucos se lembram dele, o mais importante poeta negro norte-americano, um dos fundadores do movimento Harlem Renaissance, que floresceu em Nova York nos anos 1920/30. O belo poema a seguir (Dream Variations) é do seu primeiro livro, The Weary Blues, de 1926.

Langston Hughes (1902-1967) se destacou por incluir na musicalidade de sua poesia as raízes do blues e do jazz. Embora reconhecido pela crítica, acabou marginalizado por suas simpatias esquerdistas, pela luta contra o preconceito racial e por um homossexualismo discreto, porém evidente.

To fling my arms wide
In some place in the sun
To whril and to dance
Till the white day is gone
Then rest at cool evening
Beneath a tall tree
While night comes gently
Dark like me –
That’s my dream.

To fling my arms wide
In the face of the sun
Dance! Whril! Whril!
Till the quiet day is gone
Rest at pale evening
A tall, slim tree…
Night coming tenderly
Black like me.

Há uma bela tradução de Manuel Bandeira no livro Poemas Traduzidos, publicado em 1948. Bandeira, com certa razão, achava poesia algo intraduzível, mas traduziu muito, e bem. Sempre algo se perde, e algo se ganha também. Vejam lá:

Estirar os braços
ao sol de algum lugar,
e até que morra o dia
dançar, pular, cantar!
Depois sob uma árvore
quando já entardeceu
enquanto a noite vem
negra como eu/descansar…
é o que quero!

Estirar os braços
ao sol nalgum lugar
cantar, pular, dançar
até que a tarde caia!
E dormir sob uma árvore
este o desejo meu
quando a noite baixar
negra como eu.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.