Herbie Hancock é simples e complexo

Daisson Flach homenageia a imensa influência pianística do músico que hoje completa 80 anos

Para ser lido ao som de Herbie Hancock em Taking Off

Herbie Hancock faz hoje 80 anos. Pensei que seria fácil escrever algo sobre ele, considerando que sua música me acompanha há muito tempo. Enganei-me. Escrever sobre música e sobre músicos é uma tarefa quase impossível. Escrever sobre Herbie é estar miseravelmente aquém do personagem. Ele é, para mim, um daqueles heróis cujos poderes estão além das possibilidades ordinárias. Herbie habitou muitos mundos, em tempos diferentes, aprendeu a andar dentro do tempo por múltiplos caminhos, intuiu direções, rejeitou comodidades. As extraordinárias possibilidades do humano sempre foram simultaneamente a matéria e a busca de Herbie como músico e como homem no mundo. Aprender, ensinar, ousar, mover-se, criar com potência permanente, é a essência de um artista ciente de sua responsabilidade e de sua grandeza. Não lhe domesticam os tantos prêmios, os tapetes estendidos, as distinções, os títulos. Não lhe imobilizam os 80 anos de vida. Herbie produz incessantemente e desafia a si e a todos em uma missão ininterrupta de desenvolvimento pessoal e coletivo. Transcender fronteiras e outros limites imaginários, congregar por meio da arte e da música, criar pontes, é o seu permanente propósito. Hoje, aos 80 anos, vê-se quase como um sacerdote, um humanista incansável, um artista imprescindível que mostra que é possível fluir com integridade.

Essa responsabilidade veio cedo. Com 23 anos de idade, já tendo gravado seu Taking Off pela Blue note, assumiu o piano do grupo de Miles Davis, lugar que fora, tempo antes, de Bill Evans, uma de suas grandes e declaradas influências. Herbie colheu em Bill Evans e Ravel a complexidade harmônica, a clareza de pensamento, a fluidez das texturas e conduções de vozes. Absorvera também a energia e o balanço de Oscar Peterson, seu fraseado preciso e leve, por vezes divertido – sim, Herbie diverte-se a valer – além de uma sonoridade profundamente imersa no blues que vem de pianistas como Horace Silver e, como dizia Miles, Thelonious Monk. Sua trajetória camaleônica e, ao mesmo tempo, absolutamente coerente, deixa ver todas as suas referências ressignificadas em um artista único, denso, um mestre verdadeiro e inquieto.

Gênio inquieto, Herbie nunca se deixou rotular e sempre seguiu, sem explicações baratas nem justificativas ao gosto de ranzinzas, para o lugar em que queria estar, qualquer que fosse. Interessado desde sempre por tecnologia, suas possibilidades e aplicações na música, Herbie esteve na ponta do desenvolvimento tecnológico, habitando o universo da música elétrica (e depois digital) com a mesma desenvoltura e inventividade. Herbie, se vê imerso em um acorde por muito tempo pensando, escolhendo, experimentando, em inabalável concentração, com a mesma naturalidade com que arrebata a audiência com suas arrasadoras performances ao melhor estilo guitar hero com suas formações elétricas. A consistência e a personalidade de sua música se fazem sentir em um groove de dois acordes – que em suas mãos são um mundo – ou em um encadeamento complexo, digno dos mais herméticos compositores eruditos contemporâneos. A música de Herbie Hancock é generosa, farta, mas não se perde em excessos tolos. Há nele sempre algo de reflexivo, algo a dizer, um sentido a ser desvendado por ouvidos atentos.

Nenhum pianista contemporâneo sério se faz ou se fará sem ter consigo o legado musical de Herbie Hancock. Ouso dizer que Herbie Hancock é o pianista mais influente do jazz de todos os tempos. Salve Herbie Hancock em seus 80 anos, nele vive a música toda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.