Brilho das estrelas

João Carlos Rodrigues lembra Les Étoiles, dupla de brasileiros que fez sucesso em Paris

Para ser lido ao som de Les Étoiles em Live au Discophage

Foto: Reprodução

Nos anos 70, uma dupla de cantores brasileiros fez grande sucesso na França, gravando oito discos em nove anos de carreira. Formado em 1974 em Barcelona, o duo mudou-se no ano seguinte para Paris e, em 1976, lançou seu primeiro LP, Meu Coração é um Pandeiro. Na sequência vieram o LP Piratas do Sentimento e, em 1978, um compacto simples contendo as canções Cassino e Maracujá.

Na década de 80, os dois lançaram os LPs Les Étoiles Live (1980), The Best of (1982), Sina de Ciganos (1985) e Les Étoiles au Forum (1986), um compacto simples contendo as canções Suba na Baleia Canção pra Inglês Ver (1983), além de ter gravado participações nos discos de Gonzaguinha De Volta ao Começo (1980) e Coisa Mais Maior de Grande (1981).

Nenhum dos discos dos Les Étoiles – com exceção da coletânea The Best of – foi lançado comercialmente no Brasil, vê se pode. Exibiam-se travestidos como as Dzi Croquetes, de maneira irônica. Fazer sucesso em Paris não é para qualquer um não.

Eles foram Rolando (Faria) e Luiz Antonio, conhecidos como Les Étoiles. O primeiro também violonista e arranjador, o segundo solando nos vocais. Luiz Antonio faleceu em 2002 e Rolando na semana passada.

Eram realmente bons como podemos verificar aqui numa faixa do disco Live au Discophage, de 1979, onde interpretam dois hits da bossa nova O Barquinho (Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli) e Samba de Verão (Marcos e Paulo Sergio Valle), mas ao modo deles.Tiremos o nosso chapéu que eles merecem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.